A importância do relacionamento no crescimento empresarial

O crédito e a salvação da lavoura
2021-02-12
Anjo das PMEs endividadas – Anuário de Tele.Síntese 2020
2021-02-22
relacionamento no crescimento empresarial

Sabia que se relacionar é extremamente importante para o crescimento empresarial?

Um dos maiores desafios do nosso cotidiano são os relacionamentos, principalmente, os relacionamentos profissionais, afinal, uma empresa costuma agregar pessoas de diversas culturas, educação, religião e opiniões diferentes, e o desafio reside aí: saber se fazer impor sem deixar de ouvir e respeitar o outro. 

E não somente os relacionamentos internos, entre funcionários, são primordiais para o bom desenvolvimento e crescimento da sua empresa, o relacionamento que se constrói com os clientes e fornecedores também são importantes, e precisa ser saudável. 

É necessário compreender que em tempos modernos, onde as redes sociais têm o poder de alavancar ou destruir uma marca em questão de minutos, não basta ter um bom marketing. Se relacionar bem, tanto internamente quanto externamente é ponto-chave para o crescimento empresarial. 

Crescimento empresarial: relacionamentos internos

Construir e proporcionar uma boa ambiência dentro da sua empresa só trará benefícios, afinal, em bons ambientes de trabalho os funcionários rendem mais, se sentem mais motivados e mais confiantes. 

Não existe injeção de ânimo maior para um colaborador que, trabalhar em um ambiente onde se sente respeitado, ouvido e prestigiado, e isso vale para todos sem exceção, não existe cargo mais ou menos importante quando se trata de relacionamentos. 

Todos são igualmente importantes para o bom funcionamento da empresa, do pessoal da limpeza ao CEO, todos executam papéis que juntos compõem o bom funcionamento da empresa. 

Pense no seguinte: quando você analisa um currículo está vendo apenas as competências técnicas do candidato, e a verdade é que as pessoas, em geral, são contratadas por suas competências técnicas, mas a grande maioria acaba sendo demitida por problemas comportamentais e falta de bom relacionamento interpessoal. 

Então, não basta ter um currículo exemplar, é preciso saber se relacionar, saber ouvir e respeitar os limites e espaços dos colegas de trabalho.  

Crescimento empresarial: relacionamentos externos 

Pode parecer sem sentido, mas os relacionamentos internos ruins se refletem nos relacionamentos externos, que são fundamentais para o crescimento da sua empresa. 

O funcionário que não tem um bom relacionamento interno, raramente vai conseguir estabelecer um bom relacionamento externo com fornecedores e clientes. 

Ter um bom canal de comunicação com seus clientes e fornecedores é importante, mas mais importante que isso é saber comunicar. 

Um bom relacionamento com seus clientes reflete diretamente em indicações, consequentemente em mais vendas, mais prestígio e mais projeção. 

O mesmo vale para fornecedores, um bom relacionamento com eles podem te render descontos, melhores condições de prazos e pagamentos, sem contar a diminuição do risco desse fornecedor te deixar na mão. Se ele tiver que escolher entre alguém com que se relaciona bem ou alguém por quem não tem tanta simpatia, quem você acha que ele vai escolher? 

Pós-venda 

Essa é uma etapa do relacionamento em que muitas empresas falham, é comum depois da venda concluída o cliente ser esquecido, e manter esse contato pode ser o seu diferencial. 

Fazer uma ligação, enviar um e-mail ou mensagem de agradecimento pela compra, ou para saber como está sendo a experiência do cliente com o produto, ou o que ele achou do serviço prestado não é algo que vai te tomar muito tempo, tão pouco inflar seu orçamento e vale muito a pena na busca do crescimento empresarial. 

O pós-venda bem feito demonstra que você se importa com o seu cliente, em como seu produto ou serviço está sendo visto e usado e isso sem dúvida é um ponto positivo. 

Clientes que recebem um bom atendimento pós-venda tendem a recomendar a empresa para amigos e familiares além de comprarem novamente, mesmo que seu preço seja um pouco maior. Lembre-se que você não está vendendo apenas um produto ou serviço, você está vendendo uma experiência, e experiências possuem mais que preço, experiências possuem valor. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ENTRAR